Presidente e treinador do Vila Meã detidos por tráfico de carros de luxo

Pai do técnico também envolvido na investigação da PJ

David Pinheiro e Danny Pinheiro, presidente e o treinador do Vila Meã, respetivamente, bem como o pai do técnico do clube da AF Porto, foram detidos pela Polícia Judiciária no âmbito de uma investigação relacionada com tráfico de carros de luxo. As detenções foram efetuadas na manhã de quinta-feira, nas residências dos suspeitos.

Ontem, foram presentes ao Tribunal de Penafiel, que determinou a saída em liberdade com pagamento de caução e apresentações às autoridades. Por isso, vão aguardar julgamento em liberdade.

Em causa está o negócio de um carro de alta cilindrada, marca BMW, adquirido pelo treinador Danny Pinheiro, primo do presidente do clube. O crédito do automóvel foi contratado por uma empresa onde David Pinheiro é sócio, juntamente com o pai do técnico. A viatura terá sido roubada, sem que este facto seja do conhecimento dos arguidos aquando da sua compra. No momento da detenção, as autoridades apreenderam ainda armas e várias viaturas de gama alta.

O Vila Mea disputa a fase de permanência no Campeonato de Portugal. No jogo deste domingo, será o adjunto José Campos que orientará a equipa na receção ao Câmara de Lobos. 

(notícia atualizada às 19h02)
Por Record
3
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Campeonato de Portugal

Notícias

Notícias Mais Vistas