Série E: Rodrigão erra e cede liderança ao Sertanense

Operário perde em casa (0-1)

• Foto: Alvaro Miranda

O jogo entre os primeiros da Série E foi condicionado pelo mau tempo. O vento forte que se fez sentir deitou por terra qualquer estratégia delineada pelos treinadores e acabou por ser um deslize do guarda-redes Rodrigão a determinar a vitória do Sertanense.

Com o jogo a ser disputado e discutido a meio campo, zona do terreno onde a equipa da Sertã ganhava algum ascendente, as situações de ataque escasseavam e daí a falta de oportunidades claras até ao final da primeira parte.

Com a melhoria das condições climatéricas também a qualidade do jogo correspondeu. O Operário, inconformado, reentrou melhor e criou duas oportunidades, primeiro por Dani, que obrigou Miguel a defesa apertada, e depois por Fábio Gomes, que fez passar a bola rente ao poste com o guarda redes fora do lance.

Não marcou o Operário, marcou a Sertanense. Tito aproveitou um deslize de Rodrigão para fazer o golo que colocou a sua equipa em vantagem, aos 66’. A equipa açoriana reagiu e, na resposta, Dani atirou ao poste da baliza com Miguel já fora do lance.

Quando a equipa da Lagoa procurava chegar à igualdade, Miguel segurou a vitória – que valeu a liderança – com duas excelentes defesas.

O que dizem os treinadores: 

"A derrota é injusta e não era o que esperávamos, pese o valor do adversário. Assumo o desaire",
André Branquinho, treinador do Operário

"Estivemos por cima na partida e anulámos os pontos fortes do Operário. O objetivo foi plenamente atingido"
Gonçalo Monteiro, treinador do Sertanense

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Campeonato de Portugal

Notícias

Notícias Mais Vistas