Ricardo recuperado

Mesmo assim, não deve jogar diante do Boavista

• Foto: Rui Minderico

Quase um mês depois de se ter lesionado na clavícula direita frente ao Tondela (triunfo, por 1-3, a 20 de dezembro), Ricardo, guarda-redes do Vitória de Setúbal, voltou esta sexta-feira a treinar sem limitações. Apesar de já ter estado às ordens de Quim Machado, o guardião, que falhou os jogos com Sp. Braga, Sporting e Paços de Ferreira, não deverá ainda ser opção no embate de segunda-feira no reduto do Boavista.

A baliza continuará entregue ao alemão Lukas Raeder, titular nas rondas anteriores, que continua a merecer a confiança do treinador, não obstante os nove golos sofridos nas três últimas partidas, seis dos quais diante dos leões. Frente aos axadrezados, o timoneiro dos sadinos não vai poder contar com Rúben Semedo. O central, cedido pelo Sporting, foi expulso em Paços de Ferreira e falha o encontro. Fábio Pacheco perfila-se como substituto de Semedo no eixo da defesa.

Sábado, 10 horas, a equipa continua no Bonfim, à porta fechada, a preparar a estratégia a colocar em prática no Bessa, estádio em que os sadinos, depois de dois desaires consecutivos, pretendem reencontrar os êxitos.

Por Ricardo Lopes Pereira
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de V. Setúbal

Notícias

Notícias Mais Vistas