Fernando Oliveira diz-se perseguido

Em causa a atuação de Cosme Machado no jogo com o P. Ferreira

• Foto: Rui Minderico

"Começamos a incomodar muita gente e a sentir alguma perseguição. O V. Setúbal e os seus jogadores merecem mais respeito", exigiu o presidente Fernando Oliveira, referindo-se à atuação de Cosme Machado no jogo do V. Setúbal com o P. Ferreira. "O Costinha foi barbaramente ceifado nas barbas do árbitro, que apenas exibiu cartão amarelo! Gostaria que Vítor Pereira tivesse mais cuidado nas nomeações e não indicasse um árbitro que é vizinho lá da terra e que, certamente, se sentiria mal se prejudicasse o Paços". Sobre os 25,7 milhões de euros de dívida total da SAD e do Vitória (clube) ao Estado, o líder esclareceu: "Se não tivéssemos feito o PER, as penhoras caíam em catadupa e o Vitória tinha acabado."

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de V. Setúbal

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.