Podstawski: «Valemos mais do que a nossa classificação»

Médio garante que sadinos querem dar resposta na sequência do desaire em Portimão

• Foto: Ricardo Nascimento

Após a derrota sofrida com o Portimonense (2-5) , Podstawski, médio do V. Setúbal, não vê a hora de entrar em campo frente ao Aves para retificar o desaire sofrido e melhorar o 13º lugar que a equipa ocupa na Liga. "A melhor reação que podemos ter é vencer! Queremos corrigir a imagem deixada. Vamos procurar mostrar que podemos subir posições e valemos mais do que aquilo que a nossa classificação demonstra. Sentimos que estamos aquém do que podemos estar", sustentou o jogador formado no FC Porto.

Com Vasco Fernandes castigado e três centrais lesionados (Semedo, César e Bernardo Morgado), Podstawski, de 22 anos, deverá ser a aposta de José Couceiro no eixo da defesa para atuar ao lado de Pedro Pinto, o único central de raiz disponível. "Como recurso, claro que estou preparado. O importante a realçar é que numa necessidade da equipa o jogador é capaz de se adaptar em prol do coletivo", comentou, antes de manifestar quais são as suas prioridades. "Jogar, ajudar e mostrar que tenho valor", garantiu.

A possibilidade de aumentar para sete pontos a distância sobre o conjunto avense, que está a tentar escapar à zona de descida, não é esquecida pelo jogador. "Todo o período atual é de extrema importância porque acaba por separar mais as equipas na tabela. Vamos entrar com a máxima força. Em casa temos tido o apoio dos nossos adeptos, sentimo-nos confiantes e os jogos têm-nos corrido bem", recordou, lembrando que os sadinos têm dois triunfos e três empates nas cinco jornadas disputadas no Estádio do Bonfim.

Apesar de otimista, Podstawski antevê dificuldades na partida que abre amanhã a 11º jornada da prova diante do 16º classificado. Há confiança por parte do internacional sub-21, mas realismo também. "O Aves não está na posição que quer estar. Investiram muito para poderem atingir objetivos diferentes. Para nós, estes jogos são mais importantes para podermos, numa fase mais avançada, jogar com outro tipo de estabilidade", rematou o médio.

Sem pensar muito na arbitragem

Apesar de considerar que o V. Setúbal tem sido prejudicado pela arbitragem, mesmo com vídeo-árbitro – em Portimão, por exemplo, os sadinos queixam-se de um golo mal anulado a Gonçalo Paciência que daria o 3-2 –, Podstawski não pensa muito nisso. "A verdade é que temos sido penalizados, mas temos de estar focados no que controlamos e não ter grandes expectativas em relação aos aspetos que não controlamos", afirmou. Além disso, o médio recusa usar a arbitragem como desculpa: "Compete-nos entrar em campo e fazer tudo para podermos ganhar. Temos de ser mais competentes e entendermos onde falhámos, apesar de termos tido coisas positivas e períodos em que fomos superiores aos adversários. Temos de fazer essa transição para o resultado, para os golos e para a eficácia."

Por Ricardo Lopes Pereira
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de V. Setúbal

Notícias

Notícias Mais Vistas