Record

Assinatura Digital Premium Saiba mais

Monchiquense abandona futebol sénior por não dispor de campo para jogar no concelho

Obras no parque desportivo sem fim à vista

A Juventude Desportiva Monchiquense vai desistir do campeonato da 2.ª Divisão da Associação de Futebol do Algarve, por não dispor de um campo de futebol para treinos e jogos no concelho.

O único recinto do município apto para a prática do futebol, propriedade da Câmara Municipal de Monchique, encontra-se em obras mas a direção do clube concluiu, face ao andamento dos trabalhos, que os mesmos não estarão concluídos em tempo útil, impedindo a participação da equipa serrana no campeonato.

Em causa está, igualmente, a participação nos campeonatos algarvios dos juniores e das equipas dos restantes escalões de formação.

Face ao lento andamento das obras, o que colocava em causa a época desportiva, a direção da Juventude Desportiva Monchiquense, presidida por Victor Santos, pediu esclarecimentos à Câmara Municipal de Monchique, sem que tivesse, até ao fim de agosto, recebido as indicações pretendidas.

Nesse contexto, o clube vê-se forçado a abdicar do futebol sénior, decisão que será tornada pública este domingo, em comunicado.

As obras no parque desportivo de Monchique avançaram sem que fosse lançado qualquer concurso público para o efeito, tendo a Câmara de Monchique optado pelo ajuste direto. A parte mais significativa dos trabalhos consiste na recuperação de uma área do campo de jogos (de piso sintético) que abateu e estava, por isso, desnivelada.

No incêndio que devastou a serra de Monchique no início de agosto último as chamas aproximaram-se perigosamente do parque desportivo, sem, no entanto, provocarem danos consideráveis no mesmo.

Na última década o Monchiquense, para além de ter mantido em atividade uma equipa sénior formada quase exclusivamente por jogadores locais, apostou fortemente na formação, a ponto de, pela primeira vez na sua história, ter jogadores chamados para as seleções do Algarve de futebol.

"Sinto-me destroçado e são dez anos perdidos", lamentou o presidente do clube, Victor Santos, remetendo mais explicações para o comunicado que será divulgado este domingo.
Por Armando Alves
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Coluna Distrital

Notícias

Notícias Mais Vistas

M M