Jogo entre União Serpense e Odemirense durou apenas minuto e meio

Devido a protesto dos odemirenses, que entendem não estar reunidas as condições de saúde pública para a realização do campeonato da 1ª Divisão da AF Beja

O jogo entre o União Serpense e o Odemirense, a contar para a 2ª jornada do campeonato da 1ª Divisão da Associação de Futebol de Beja, arrisca-se a entrar para a história como o mais breve de sempre: durou apenas minuto e meio, depois de um jogador da turma forasteira - que se apresentou com apenas sete elementos - sair lesionado.

O Odemirense considera que não estão reunidas as condições de saúde pública para a disputa do campeonato e subscreveu, juntamente com seis outros clubes participantes na prova (Despertar, Guadiana, Aldenovense, Praia de Milfontes, Cuba e União Serpense), um documento entregue na Associação de Futebol de Beja na véspera do sorteio, no qual são expressas várias preocupações relacionadas com a pandemia do coronavírus. "O caráter amador da competição não se coaduna com o risco inerente de contágio e suas consequências", lê-se no documento. A AF Beja decidiu, no entanto, manter o calendário previsto, respeitando as normas de saúde pública e de segurança, emanadas da Federação Portuguesa de Futebol.

Na primeira jornada da prova Aldenovense, Odemirense e Aldenovense faltaram aos seus jogos, diante de Almodôvar, Penedo Gordo e União Serpense, respetivamente, enquanto o jogo entre Cuba e Praia de Milfontes foi adiado. Já na segunda jornada, este domingo, apenas não se disputou o jogo entre Piense e Aldenovense.

Por Armando Alves
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Futebol Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.