Conselho de Justiça da FPF rejeita despromoção do Leixões

O recurso tinha sido apresentado pelo Farense

• Foto: Manuel Araújo

O Conselho de Justiça (CJ) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) rejeitou esta sexta-feira o recurso apresentado pelo Farense que pedia a não participação do Leixões na 2.ª Liga 2016/17.

No recurso, o clube algarvio invocou que o Leixões "não apresentou qualquer certidão - negativa ou positiva - até à data de 30.06.2016", ou seja, até ao final do prazo de candidatura à participação na 2.ª Liga.

No acórdão proferido, o CJ citou a Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), com esta a informar que antes do recurso para o CJ, o clube recorrente o deveria ter feito "num prazo de cinco dias a contar da notificação da decisão reclamada" para a direção da Liga.

Mais invoca a Liga no referido acórdão do CJ ser desde 6 de Setembro de 2013 "competência exclusiva do Tribunal Arbitral do Desporto" o tratamento desta e de outras matérias, terminando o conjunto de argumentações com o pedido de que o recurso seja julgado improcedente.

Por Lusa
4
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Futebol Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas