FPF prevê receitas de 60,3 milhões de euros em 2017/18

Orçamento do organismo foi enviado ontem para os delegados da Assembleia Geral

• Foto: Amândia Queirós

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) prevê receitas de 60,3 milhões de euros na época desportiva 2017/18 e despesas de 60,2 milhões. O orçamento do organismo, que foi enviado ontem para os delegados, antecipa um lucro de 68 mil euros. Números que serão votados a 10 de junho na Assembleia Geral do organismo.

A FPF espera 9,8 milhões de euros de receitas provenientes da presença em competições internacionais, sendo que a grande fatia desse bolo será do Mundial'2018. Para chegar a este número, o executivo de Fernando Gomes estabelece como mínimo a presença na fase de grupos, até porque os 16 avos de final poderão disputar-se depois de 1 de julho, o que já entrará no exercício de 2018/19.


Principais receitas em 2017/18:
Origem M€
Direitos TV, publicidade e patrocínios 23,8
Jogos sociais 12
Participação em provas internacionais 9,8
Entidades desportivas (UEFA, FIFA) 3
Estado e outras entidades 3

Principais gastos em 2017/18:
Origem M€
Competições de seleções 19
       (Seleção A masculina de futebol) 10
       (Outras seleções) 9
Arbitragem 6,5
Organização de provas 5,1
Pessoal 6,2
Prestadores de serviços 4,9
Fornecimento e serviços 4,8
Organização de eventos 2,4


Por Sérgio Krithinas
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Futebol Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas