Futebol profissional português associa-se à luta contra o racismo

Jogadores da Liga NOS e Liga Sabseg vão entrar em campo com camisolas com a inscrição Racismo Não

A carregar o vídeo ...
«As únicas cores que importam são as das camisolas»: futebol na luta contra o racismo

O futebol profissional vai associar-se à luta contra o racismo com jogadores da Liga NOS e Liga Sabseg a entrarem em campo, na próxima jornada, com camisolas com a inscrição Racismo Não, anunciou esta sexta-feira o organismo que gere as competições.

Em comunicado, a Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP)refere que a iniciativa pretende "assinalar o Dia Internacional Contra a Discriminação Racial, celebrado em 21 de março" apelando "à sensibilização para a importância do respeito pela raça, etnia ou religião de cada ser humano".

Segundo a LPFP, os jogadores das I e II ligas de futebol "vão juntar o seu nome à causa, de forma literal, já que vão entrar em campo com a inscrição Racismo Não na camisola, em detrimento do nome, transformando esta campanha num momento único no futebol nacional".

O organismo refere ainda que a frase Racismo Não vai estar também presente nas braçadeiras envergadas pelos capitães de equipa e nos treinadores que assim o entendam, bem como nos diversos materiais dispersos por todo o estádio, bem como as redes sociais do organismo.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Futebol Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.