Helena Pires: «Não queremos acreditar que vamos começar a próxima época sem público»

Diretora Executiva da Liga Portugal sublinhou que os estádios estão "preparados para receber competições"

Helena Pires, diretora executiva da Liga Portugal, foi uma das convidadas para dar uma palestra na 23.ª edição do Congresso Nacional da Ordem dos Médicos, no âmbito do painel "Colégio de Medicina Desportiva - A medicina desportiva em tempos de pandemia: O regresso à normalidade do desporto e do exercício", onde falou sobre o sucesso dos testes pilotos realizados no final da temporada da Liga NOS, e onde assegurou que os "estádios estão preparados para receber competições".

"Foram feitos mais de 72.500 testes. O sucesso desta operação foi, sem dúvida, a testagem. Evitámos os contactos, estivemos sempre em bolha. Toda a gente esteve em bolha e entraram com resultados negativos", disse, fazendo referência à temporada 2020/2021.

Helena Pires abordou também o tema da falta de adeptos e do impacto que isso tem para as Sociedades Desportivas: "Fizemos sete testes pilotos e ficou mais do que demonstrada a capacidade que o futebol profissional tem para organizar. Aliás, tivemos no passado domingo a final da Liga dos Campeões no Estádio do Dragão, onde ficou mais do que provado que dentro dos estádios, que é o nosso âmbito, estamos preparados para receber competições. Portanto, não acreditamos, não queremos acreditar que vamos começar a próxima época desportiva sem público".

"Faz sentido o regresso, não apenas pela parte económica, mas também para agregação dos adeptos às suas equipas. Se continuarmos sem criar a vontade de ir ao estádio, muita gente se vai perder. Isto, para o futebol profissional, é muito mau, mas para o desporto não profissional tem sido terrível. Vemos muita gente que está a sair do futebol e do desporto em geral, estão a deixar de praticar desporto e estão a criar outras opções que, no final do dia, não são tão saudáveis. É fundamental trabalharmos todos, no sentido de garantir que o público regressa aos estádios. Temos que tentar retomar a normalidade, não perdendo de vista a segurança por todos aqueles que vão ao futebol. Temos a certeza que temos todas as condições para garantir que o desporto não é mais prejudicado pela falta dos seus adeptos", rematou a Diretora Executiva da Liga Portugal.

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Futebol Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas