Insultos a árbitros valem mão pesada

Bruno Maruta e Hélder Cristóvão castigados por gestos e palavras dirigidos a Luís Godinho

• Foto: Simão Freitas

Os muitos insultos às equipas de arbitragem durante a última semana não foram tolerados pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol. Entre Liga NOS e 2ª Liga, vários técnicos e jogadores foram suspensos, com destaque para elementos do Benfica B, devido a comportamentos frente ao FC Porto B.

Hélder Cristóvão foi suspenso por dez dias e multado em 89 euros por ter feito "gestos em sinal de roubo" e também por ter afirmado "isto é uma roubalheira" na direção da equipa de arbitragem liderada por Luís Godinho. Já Bruno Maruta, diretor desportivo da formação, está suspenso por 16 dias por palavras. "Querias ser o melhor em campo e foste o pior. O vosso problema é que vocês têm a mania que nunca erram. As tuas decisões foram ridículas", escreveu Godinho no relatório do jogo, que terminou com triunfo dos dragões (3-1). Por outro lado, Ferro, capitão dos encarnados, foi multado em 536 euros por afirmar "és uma vergonha, não vales nada", após ser expulso.

Já na Liga NOS, Jorge Maciel, adjunto do Rio Ave, foi suspenso por dez dias por dizer "meu filho da p..., vê lá se começas a apitar esta m... em condições", no encontro do Sp. Braga com os vila-condenses. Pena igual teve Pedro Taborda, adjunto do Leixões, pelo que disse a um assistente, a festejar um golo frente ao Famalicão. "Anula esta m... agora!", lê-se.

Carlos Pinto fica afastado do banco durante dez dias

Outro treinador principal que não escapou ao Conselho de Disciplina foi Carlos Pinto. O técnico do Santa Clara foi suspenso por dez dias e multado em 893 euros pelos insultos a João Pinheiro, árbitro no nulo entre os açorianos e o Ac. Viseu. "Ide prò c..., na primeira parte marcavas tudo, agora não marcas nada. Aquilo era penálti, c.... És sempre a mesma m...", escreveu o juiz da AF Braga no relatório da partida. Ainda no Santa Clara, Alfredo Arruda terá de pagar uma coima de 179 euros. "Agora viste tu, vai prò c...", referiu o técnico de equipamentos, que também acabou por ser expulso.

Por Pedro Gonçalo Pinto
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Futebol Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.