João Vieira Pinto e o jogo da Seleção: «A vontade e a dedicação serão sempre as mesmas»

Vice-presidente da FPF recusa que a responsabilidade de Portugal seja maior após o título europeu

• Foto: Paulo Calado

João Vieira Pinto prometeu esta segunda-feira, horas antes da concentração da Seleção Nacional, com vista ao compromisso do próximo sábado, frente à Hungria, uma equipa com "vontade e dedicação" para tentar atingir a fase final do Campeonato do Mundo de 2018, que terá lugar na Rússia. 

"Não queria muito estar a pronunciar-me em relação ao jogo, porque isso será feito no momento próprio. O que posso dizer é que a vontade e a dedicação serão sempre as mesmas que têm sido. Extraordinárias", assegurou o vice-presidente da Federação Portuguesa de Futebol, recusando a ideia que Portugal, por ser campeão europeu tenha agora uma responsabilidade redobrada na fase de qualificação.

"Portugal teve sempre grandes responsabilidades nas provas internacionais. A partir do momento em que se veste a camisola de Portugal, a responsabilidade aumenta. Mas, obviamente, ninguém está alheio ao facto de termos sido campeões da Europa e acredito que os nossos adversários olhem, para nós de uma forma diferente", concluiu o dirigente da FPF, instantes antes do início da Gala das Quinas de Ouro, que decorreu no Casino do Estoril.

Por João Lopes
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Futebol Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.