Liga aprova relatório e contas com lucro de 2,8 milhões de euros

Seis clubes votaram contra

• Foto: Amândia Queirós

A Liga de Clubes aprovou esta sexta-feira, em Assembleia Geral (AG), o relatório e contas relativo à época 2015/16, que revelou um lucro de 2,8 milhões de euros.

Na votação, apenas 6 clubes votaram contra os resultados da Liga de Clubes, sendo que 35 votaram a favor e 4 abstiveram-se.

Também foi aprovado, com 38 votos a favor e 7 contra, o plano de atividades e orçamento para esta época, que prevê um lucro de 2,1 milhões de euros.

Pedro Proença, presidente da Liga, considerou uma "vitória" a aprovação dos resultados da época passada. "É uma vitória de toda a direção da Liga, que sai reforçada com a aprovação das contas da época anterior", disse o dirigente.

O ex-árbitro disse também que foi o fechar de uma "página" na Liga de Clubes. "Com a aprovação do orçamento para 2016/17 fecha-se uma página, uma vez que nunca aconteceu nos últimos 4 anos. Conseguimos apresentar resultados positivos, o que é algo de inovador na direção da Liga", afirmou.

O dirigente disse ainda que segue-se agora o "ano da consolidação". "Abre-se um novo paradigma e só podemos estar satisfeitos com a mudança de ciclo", concluiu.

Antes da assembleia, o presidente da Liga recebeu os clubes para um pequeno-almoço em conjunto no hotel Sheraton, onde agraciou com uma placa os antigos membros da direção da Liga.

Ainda antes da entrada para a AG, Rui Pedro Soares, presidente da SAD do Belenenses, esteve à conversa com o presidente do Santa Clara, Rui Cordeiro, acerca da contratação do treinador Quim Machado, que causou desagrado na equipa açoriana.

Depois do almoço vai haver uma Assembleia Geral Extraordinária, para votação das consequências jurídicas do relatório da consultora Deloitte e o anúncio do modelo de distribuição das verbas da UEFA.

Por António Mendes
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Futebol Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.