Polícia Judiciária esteve na FPF para consultar classificações dos árbitros

Ação decorreu em julho depois de Fernando Gomes ter mostrado disponibilidade para cooperar com autoridades

• Foto: Lusa

A Polícia Judiciária (PJ) esteve na sede da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), na Cidade do Futebol, a consultar as classificações dos árbitros das últimas temporadas. A ação decorreu em julho, semanas depois de rebentar o caso dos emails, mas só agora foi tornada pública.

Ao que foi possível saber, os inspetores da PJ levaram alguns documentos, mas não houve buscas. Tudo porque tudo foi feito sem mandado, pois o próprio Fernando Gomes tinha solicitado às autoridades judiciais que "consultassem todos os processos de nomeação, classificação e relatórios dos observadores dos árbitros, promovidos pelo Conselho de Arbitragem e seus dirigentes" desde a sua entrada na FPF, em dezembro de 2011.

Estas declarações do líder federativo foram proferidas a 23 de junho, numa altura que se encontrava na Rússia com a Seleção Nacional, que disputava a Taça das Confederações. A visita da PJ ocorreu semanas depois, já após o regresso da comitiva a Portugal.

Há cerca de duas semanas, a mesma PJ esteve no Estádio da Luz, bem como nas casas de Luís Filipe Vieira, Paulo Gonçalves e Pedro Guerra, também no âmbito da investigação do caso dos emails. Neste caso, havia um mandado de busca

Por Sérgio Krithinas
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Futebol Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas