Vítor Catão pede desculpa a Boaventura pela estalada: «Ele sabe que eu me enervo»

Diretor do S. Pedro da Cova nega ter ameaçado o agente com uma arma de fogo

A carregar o vídeo ...
Vítor Catão no carro de César Boaventura a confrontar o agente

Vítor Catão pediu desculpa a César Boaventura por lhe ter dado um estalo no momento em que confrontou o agente no seu carro, esta segunda-feira. Em declarações à CMTV, o diretor do São Pedro da Cova negou ainda ter ameaçado o empresário com uma arma de fogo, como este afirmou.

"Peço desculpa ao César Boaventura. Ele sabe que eu me enervo mas que sou uma pessoa digna. Ralhei com ele mas não devia. Não é esta a minha pessoa. Estou a pedir desculpa por ter falado como falei. Só não devia ter falado como falei. Ele deu-me um murro no joelho. Temos confiança um com o outro e ele deu-me um murro no joelho. Se tivesse uma pistola, enervado como estava, até o matava. Estou arrependido do estalo que lhe dei, não do que lhe disse", referiu Catão.

"Fiz o vídeo e fui eu que lhe deu o estalo. Disse 'eu mato-te' mas é aquela situação em que estou irritado, nunca matei ninguém nem quero matar ninguém. Nunca tive uma arma de fogo e a policia pode ir à minha casa", acrescentou.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Futebol Nacional

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.