Hugo Caeiro: «Golo ao Benfica deu-me mais motivação para trabalhar»

Águias só consentiram dois golos e o sadino foi o autor do 1.º tento

• Foto: Facebook Hugo Caeiro

O Benfica venceu os 28 jogos oficiais da temporada e só o facto de marcar um golo aos encarnados já parece uma proeza. A 31 de janeiro deste ano, Hugo Caeiro foi o autor de uma delas. Da marca de grande penalidade, o médio do Vitória de Setúbal bateu o guarda-redes das águias pela primeira vez, algo que somente o colega de equipa, Alexandre Quendera, logrou conseguir já de bola corrida. A Record, o jovem sadino contou a sensação de fazer o golo que haveria de dar o empate (1-1) num jogo que findou com um 6-1 para o Benfica.

"Já sabia que era muito difícil marcar golo ao Benfica, mas nunca deixei de acreditar. Na semana antes do jogo, eu já andava a dizer pra mim próprio que ia ser o primeiro jogador a marcar ao Benfica e consegui fazê-lo. Foi muito importante para mim. Deu-me mais motivação para trabalhar", recordou, em relação ao jogo inaugural da segunda fase do campeonato nacional de iniciados, respeitante à Zona Sul.

Expectativas

O Vitória de Setúbal terminou a prova no terceiro posto, com 10 pontos, atrás de Benfica e Belenenses, com 30 e 24 pontos respetivamente. Caeiro garantiu que o conjunto do Bonfim fez o possível para lutar com duas formações que garantiram a qualificação para a fase de apuramento de campeão - o sorteio realiza-se na segunda-feira, a partir das 15 horas.

"O nosso objetivo era passar à próxima fase mas não conseguimos. Apanhámos equipas muito fortes e com bons jogadores, mas o terceiro lugar também é muito bom para uma equipa como o Vitória."

Por Flávio Miguel Silva
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Iniciados

Notícias

Notícias Mais Vistas