Siga o nosso canal de WhatsApp e fique a par das principais notícias. Seguir

Rui Borges: «Equipa tem demonstrado bastante qualidade no processo ofensivo e defensivo»

Em véspera de defrontar o Farense, treinador diz-se "muito feliz" pelo que o Moreirense tem mostrado em campo

• Foto: Tony Dias/Movephoto
Rui Borges, treinador do Moreirense, fez esta sexta-feira a antevisão ao jogo com o Farense, encontro da 6.ª jornada da Liga Betclic agendado para amanhã às 15H30.

O que espera do jogo com o Farense? "É um jogo difícil. É uma equipa que vem motivada depois de uma boa vitória sobre o Sp. Braga em casa. Já os defrontámos no início da época, para a Taça da Liga, com um bom jogo. São fases diferentes, será um jogo diferente de parte a parte. É uma equipa motivada, muito competitiva, à imagem o seu treinador, muito coesa e boa no processo ofensivo. É uma equipa que cria muitos problemas nos momentos de contra-ataque. Acima de tudo, estamos cientes e capazes de querer voltar às vitórias. O Sporting foi melhor na última jornada, agora teremos de olhar para a frente, a responsabilidade cresce porque são equipas do nosso campeonato. Temos noção do que temos e queremos fazer."

O que destaca do Farense? O que fazer para contrariar esses argumentos? "Destaco o facto de ser uma equipa muito coesa, muito competitiva, intensa nos duelos, que não dá bolas como perdidas. É uma equipa que tem como seu forte o ataque rápido, aparece com muita gente na área, tem feito golos. Quanto à nossa estratégia, será dentro do que temos feito, temos de ser tão competitivos como o adversário, colocar intensidade e termos paciência e critério na organização defensiva. Temos de ser intensos e equilibrados na reação à perda porque o adversário é muito forte no contra-ataque."

Utilizou uma linha de três na defesa contra o Sporting. Vai voltar ao sistema habitual? "Tivemos uma linha de cinco a defender e a construir uma linha de quatro. As pessoas podem pensar que mudamos para ser mais defensivos, tentamos foi ser mais pressionantes e dar menos espaços ao Sporting, mas não fomos capazes. Faltaram-nos alguns comportamentos que levaram a que o Sporting tivesse mais sucesso."

Ao fim de pouco mais de dois meses de trabalho o que lhe agrada mais no Moreirense? "A equipa tem dado uma boa resposta. De uma forma geral, tem demonstrado bastante qualidade no processo ofensivo e defensivo. Vamos ser cada vez melhores, criar mais dinâmicas, mais ligações individuais e coletivas. Apesar de fazermos as coisas bem podemos acrescentar sempre algo mais, não há limite para sermos melhores. É essa a nossa luta diária. Estou muito feliz pelo que a equipa tem apresentado nos jogos num início difícil. A responsabilidade aumenta, temos a ambição de ser sempre melhores e fazer um bom campeonato. Estou super feliz como treinador porque temos um grupo fantástico."

Não pode contar com o Maracás pela primeira vez...: "Temos o Ponck e o Gilberto, a escolha recairá sobre um deles. Estou super tranquilo. Contratamos sempre com critério, em algum momento haverá oportunidade para todos. Estão preparados."
Por Bruno Freitas
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Moreirense

Notícias

Notícias Mais Vistas