Benfica ajudou o Almería a ser rei das transferências na 2.ª liga espanhola

Milhões da venda de Darwin Nuñez foram decisivos

• Foto: Pedro Ferreira

A janela de transferências em Espanha fechou na segunda-feira e pode dizer-se que o Almería foi o grande rei do mercado na 2.ª liga espanhola. O clube orientado pelo português José Gomes, que conta com três lusos no plantel (Samuel Costa, João Carvalho e Pedro Mendes), foi o que mais gastou em aquisições mas também aquele que mais faturou com vendas e, nesta última vertente, a saída de Darwin Nuñez para o Benfica foi decisiva. 

O avançado uruguaio de 21 anos rendeu 24 milhões de euros, que acabou por ser o único encaixe realizado pelo clube detido pelo saudita Turki Al-Sheikh. Contudo, o valor representa mais de um terço do total (68 M€) faturado pelos 22 clubes que disputam o segundo escalão do futebol espanhol. Espanyol de Barcelona (9, 75 M€) e Girona (9,2 M€) completaram o pódio.
 
Em termos de contratações o Almería também superou toda a concorrência com gastos de 22 milhões de euros, tendo em conta que os outros 21 clubes gastaram entre si pouco mais de 10 M€. Destaque para Lucas Robertone, médio argentino que chegou a estar no radar do Sporting e foi contratado ao Vélez Sarsfield por 6 M€. 

Apesar destes valores, o mercado na 2.ª liga espanhola espelha um pouco daquilo que é a atual crise provocada pela pandemia da Covid-19, já que na temporada passada, em igual período, os clubes gastaram (37,5 M€) e receberam (106,4 M€).

Por Record
23
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.