Benfica revela por que não autorizou a entrada do 'JN' no Estádio da Luz

Encarnados esperam "esclarecimento" da direção do jornal sobre " intervenção" de jornalista numa conferência de Jorge Jesus, no Brasil

• Foto: DR Record

O Benfica explicou na sua newsletter diária que não autorizou a entrada de representantes do Jornal de Notícias nas suas instalações na última quarta-feira, para acompanhar o jogo entre o Benfica e o Portimonense, devido ao facto de "a direção daquele órgão de comunicação social" não ter feito qualquer esclarecimento sobre as "insultuosas declarações" que um jornalista do JN fez durante "a conferência de imprensa realizada pelo treinador Jorge Jesus no final do jogo Flamengo-CSA".

Na referida conferência o jornalista do JN identificou-se como adepto do Sporting e confrontou o técnico com a sua primeira época em Alvalade, assumindo que os leões foram "roubados" e que o Benfica não merecia ter conquistado "o campeonato que ficou conhecido como o campeonato dos padres".

"O Sport Lisboa e Benfica lamenta que, passados quatro dias das insultuosas declarações, amplamente divulgadas e comentadas, por parte de um jornalista do Jornal de Notícias, durante a conferência de imprensa realizada pelo treinador Jorge Jesus no final do jogo Flamengo-CSA, até hoje, da parte da Direção daquele órgão de comunicação Social, não exista nenhum esclarecimento sobre se aquela intervenção se identifica ou está de acordo, ou não, com as orientações da sua linha editorial", pode ler-se na newsletter.

E prossegue: "Face a este silêncio e não esclarecimento da sua posição, entendeu o Sport Lisboa e Benfica não acreditar e autorizar o acesso às suas instalações por parte de representantes de um órgão de comunicação social que não se comporta como tal, de acordo com todos os códigos orientadores do sector e da prática do jornalismo."

98
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas