Bruno Lage e o jogo com o FC Porto: «Trata-se de uma final para chegar a uma final»

Treinador do Benfica não tem dúvidas que haverá "determinação, o foco e atitude" dos dois lados

• Foto: Paulo Calado

Bruno Lage antevê uma partida equilibrada frente ao FC Porto esta terça-feira, na meia-final da Allianz Cup. O treinador do Benfica acredita que os dragões vão apresentar-se em 4x4x2 e não tem dúvidas que o segredo passará por tentar "explorar as fraquezas do adversário" tendo "em atenção os seus pontos fortes". Laje explicou também que Fejsa e Jonas não estão aptos para ir a jogo.

Antevisão
"Estamos a encarar este jogo como uma final, uma final para chegarmos a uma final."

Benfica já ganhou ao FC Porto
"Cada jogo tem a sua história, este vai ser diferente, numa competição diferente. Como já disse, trata-se de uma final para chegar a uma final. A determinação, o foco e a atitude vão estar nos dois lados."

Sem vantagens
"Neste tipo de situações não há vantagem ou desvantagem. As análises que se fazem às equipas são tão profundas que o conhecimento vai aos ínfimos detalhes. O conhecimento das equipas é mútuo."

Detalhes para fazer a diferença
"O maos difícil do nosso trabalho é termos três dias para preparar o jogo. Numa equipa em que os comportamentos estão solidificados, isso é mais fácil, mas não é o nosso caso. Temos de tentar evoluir o que é nosso e preparar uma estratégia para o jogo. Passámos de um 4x3x3 para um 4x4x2 e o que pretendemos fazer é tentar construir de uma maneira diferente do que se fazia anteriormente, para termos mais bola, mais controlo do nosso jogo; tentar defender de outra forma. Porque a jogar em 4x4x2 é preciso ter uma transição defensiva diferente. São comportamentos que queremos dar à equipa e paralelamente preparar uma estratégia. O desafio é preparar isto de 3 em 3 dias, com a recuperação de jogadores, sem retira-lhes energia. Este tem sido o nosso foco. O nosso jogo está num processo de evolução, a estratégia está identificada, mas é importante dar tranquilidade e conforto aos jogadores."

Dinâmicas 
"Passámos de um 4x3x3 para um 4x4x2, o posicionamento é diferente. Queremos que a nossa construção seja feita de forma diferente, não é melhor nem pior do que era anteriormente. Acredito que o FC Porto também se apresente em 4x4x2 e o desafio será explorar as fraquezas do adversario, tendo em atenção os seus pontos fortes. Vai ser um jogo equilibrado."

Fesja e Jonas 
"Nenhum deles está disponível para o jogo."

Ausências de Gedson
"Já sabia que ia fazer essa pergunta... Não podemos jogar com 12. O Gedson está a fazer um trabalho fantástico."

Reação dos jogadores às mudanças
"É normal quando acontece uma mudança que as pessoas tentem acordar um pouco para criar uma dinâmica diferente e é isso que tenho sentido da parte de toda a gente. Sinto que estão estão agradados pela nossa forma de trabalhar, de treinar e de preparar os jogos."

Ir até onde na Allianz Cup
"Até à final. É jogo a jogo. Não posso dizer que vou ganhar uma competição sem passar a meia-final. O que me interessa é preparação do jogo, amanhã vamos entrar determinados a vencer esta final, para sábado podermos estar noutra final."

Jogar no terreno de um dos candidatos
"Não creio que isso seja uma desvantagem"

8
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas