Cervi: «Aqui a situação está a agravar-se mas Portugal foi mais precavido»

Extremo do Benfica explica aos argentinos o que se passa em Portugal por causa do coronavírus

A carregar o vídeo ...
Benfiquista Franco Cervi explica aos argentinos o que mudou em Portugal devido ao coronavírus

Franco Cervi, extremo do Benfica, explicou aos argentinos a evolução da Covid-19 em Portugal.  "Em Itália e Espanha a situação está muito pior. Aqui a situação está a agravar-se, mas Portugal foi mais precavido e tomou as decisões o mais rapidamente possível", explicou, em entrevista à ESPN, frisando: "Mas estou preocupado e a acompanhar com o que se está a passar com Argentina. Tenho família, amigos."

O jogador contou como é agora o dia-a-dia, agora que os campeonatos e os treinos foram suspensos. "Vamos ficar 14 dias de quarentena.  Saimos só para passear um pouco. Supermercados é mais complicado. Há muito contacto e é muito perigoso. O clube está ajudando muto. E traz-nos a comida para não termos que ir ao supermercado."

Com quatro golos em 27 jogos esta temporada, Cervi, de 25 anos, rematou: "As recomendações é estar em casa, não estar em contacto com muita gente. Depois lavar as mãos bem. As pessoas estão com receio, pois os casos continuam a subir."

7
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.