Jorge Jesus e as palavras de Rui Costa: «Covid não explica tudo mas foi o responsável n.º 1»

Treinador admite, porém, que houve situações em que a equipa podia ter estado melhor

A carregar o vídeo ...
Jorge Jesus aprova discurso de Rui Costa: «Temos todos de assumir as responsabilidades»

Jorge Jesus admitiu esta quarta-feira que Rui Costa teve razão no que disse à BTV; o técnico reconhece que "houve outros casos" em que a equipa podia ter feito melhor, mas volta a frisar que o covid-19 foi o principal responsável pela quebra de rendimento dos encarnados nos últimos tempos. 

"É verdade o que ele diz, temos todos de assumir as responsabilidades de termos perdido 11 pontos neste mês. O covid não explica tudo, é verdade, mas foi o responsável número 1 por tirar os jogadores da sua forma, do seu valor individual. Vamos ter todos de assumir a nossa responsabilidade, individual e coletivamente, e trabalhar em cima do que achamos que podemos melhorar. Falar menos e jogar mais", frisou o técnico.

E prosseguiu: "Para jogar mais temos de ter condições para o fazer. Tirando o Waldschmidt e o André [Almeida], cujas situações têm nada a ver com covid, tenho todos os jogadores para tomar decisões, posso por a jogar quem eu achar que está melhor, podemos olhar-nos nos olhos, cheirar-nos... Durante um mês e tal isso não aconteceu. Vejam quantos pontos o Benfica perdeu, foram 11 pontos. Não foi só o covid, houve outras coisas que fizemos que temos de assumir e voltar a não fazer. O que o presidente diz, o Rui Costa, todos temos uma palavra em defesa do Benfica e sabemos que temos de fazer melhor do que até aqui. Mas também sabemos porque não o fizemos. Quem quiser fugir à realidade, pode dizer o que quiser. Mas houve outros casos, que não tiveram nada a ver com covid, que podíamos ter feito melhor."

Liga Europa

O treinador falou também do facto de o Benfica receber o Arsenal em Roma, na Liga Europa. "Isto influencia as duas equipas. Isso é outro fenómeno ao qual temos de nos adaptar. Não se pode jogar em Inglaterra nem Portugal e a UEFA e o Benfica tiveram escolher um país para jogarmos. Gostávamos de jogar em Espanha, não dá, então que seja em Itália, num país em que não haja muito frio. Roma também é vermelho e é aí que temos de jogar. Quando for o jogo em casa do adversário será na Grécia. Tudo isto é novo hoje no futebol, treinadores, adeptos, jogadores, todos temos de nos adaptar a isto."

Depois, Jorge Jesus deixou uma mensagem aos adeptos. "Gostávamos muito de jogar no Estádio da Luz, haveremos de jogar, sentimos muito a falta dos nossos adeptos e espero que eles percebam que este período que o Benfica sofreu não teve a ver com falta de técnica ou com o facto de os jogadores deixarem de correr. Andámos durante um mês a arrastar-nos!"

Por Record
13
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas