Júlio César volta à baliza

No arranque da Liga dos Campeões, Rui Vitória optou por conceder a titularidade a Ederson

• Foto: Luís Vieira

Titular em todos os jogos oficiais até à receção ao Besiktas, Júlio César estará de volta à defesa das redes encarnadas no embate de amanhã com o Braga. No arranque da Liga dos Campeões, Rui Vitória optou por conceder a titularidade a Ederson, ele que até se estreou aí em jogos oficiais na presente temporada.

A determinação desta rotatividade entre os dois guarda-redes prende-se essencialmente com a perspetiva de mercado. Afinal, tendo dois elementos que emprestam a mesma confiança à equipa técnica, a escolha para a montra da Liga dos Campeões recaiu no mais jovem, com o qual a SAD perspetiva naturalmente vir a realizar um avultado encaixe financeiro. Aos 37 anos, Júlio César é encarado nesta altura meramente do ponto de vista do rendimento desportivo, cenário ao qual Ederson ainda adiciona a vertente de valorização no mercado.

Por isso mesmo, apesar de o camisola 1 não estar apontado a render o experiente compatriota nos jogos do campeonato sem que para isso exista motivo considerado plausível (lesão, castigo, ou acumular de erros individuais), tem para já a garantia de que a rotatividade na Champions lhe oferece o onze. Salvo algum azar de última hora, assim será frente ao Nápoles (dia 28).

9
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas