Luís Filipe Vieira: «Jorge Jesus tinha vontade de sair»

Presidente do Benfica diz que "passado é passado"

• Foto: Luís Manuel Neves

Na entrevista dada à CMTV esta noite, Luís Filipe Vieira recuou ao momento em que Jorge Jesus deixou o Benfica e assinou pelo Sporting.

"O que é passado é passado. Não vale pena estar a falar do passado. A vida é feita de erros e boas decisões. Havia vontade de Jorge Jeus sair. Ele queria outra experiência. Tinha a opção de sair. O Jorge quis regressar, senão não tinha regressado. A exceção da primeira época no Sporting, tivemos uma relação normal. Ele já disse que sou a única pessoa que janta em casa dele e almoça. A relação dele comigo é perfeita. Ele é um profissional, hoje está no Benfica e amanhã pode estar noutro lado."

Questionado sobre se podia ter havido mais títulos com Jesus, respondeu: "Fui feliz com todos os treinadores. Era uma injustiça falar disso. Não podemos ganhar sempre. Todos eles deram-nos títulos. Não perdi os melhores anos do Jesus".

Vieira destacou, por outro lado, a solidez do Benfica: "Se houver uma segunda vaga da pandemia, dois terços dos clubes europeus podem desaparecer e isso é que é preocupante. O Benfica progrediu. A experiência que foi adquirida ao longo deste tempo, o projeto do Benfica precisa de uma continuidade."

Por Flávio Miguel Silva
23
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas