Noronha Lopes sobre Rui Costa: «Não tem condições para ser presidente sem ir a votos»

Antigo candidato à liderança do clube da Luz critica sucessão

• Foto: Pedro Catarino

João Noronha Lopes concedeu uma entrevista à TVI, onde comentou a sucessão de Rui Costa a Luís Filipe Vieira na presidência do Benfica.

"O fim de Vieira é o fim de um ciclo e portanto a mudança no Benfica tem de ir muito para além dos arguidos deste processo. Na minha opinião, Rui Costa não tem condições para ser presidente do Benfica. Em primeiro lugar, e isto já foi referido pelo professor Rui Pereira, presidente da mesa da Assembleia Geral e que saiu em litígio com o clube, não há legitimidade moral nem ética de Rui costa ou de qualquer outro membro da direção para assumir o cargo do Benfica num regime que é essencialmente presidencialista. As pessoas votaram num presidente e portanto…", começou por dizer.

E acrescentou: "O fim do Vieirismo marca o fim de um ciclo e nesse ciclo estiveram pessoas que estiveram com Vieira nas direções da SAD e dos órgãos sociais. Essas pessoas, do ponto de vista da sua legitimidade ética e moral, não devem iniciar este novo ciclo desta forma. Devem ir a eleições e ser sufragados pelos adeptos."

Quando questionado sobre se, em caso de eleições, seria um dos candidatos, Noronha Lopes preferiu guardar essa decisão para outra altura.

"Candidatar-se à presidência do Benfica é um momento de grande responsabilidade e que envolve uma grande ponderação, a nível pessoal e profissional. Ainda não chegou a altura. Não é altura para fazer essa ponderação. A prioridade agora é dar voz aos sócios. Rui Costa tem todo o direito a candidatar-se", realçou. 

Por Record
65
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas