Rui Vitória: «Isto não passa com um estalar de dedos»

Treinador do Benfica admite que a exibição diante do Arouca ficou abaixo do exigido, pese o triunfo

• Foto: Lusa

Rui Vitória admite que o Benfica não esteve ao seu nível diante do Arouca, num triunfo sofrido (2-1) que garantiu a passagem à próxima eliminatória da Taça de Portugal. À RTP3, o treinador encarnado lembrou que as várias alterações no onze tiraram ritmo e compreendeu a insatisfação dos adeptos.

Esperava jogo tão sofrido?
"Estamos sempre à espera que os jogos se resolvam de outra forma. O jogo complicou-se, o adversário marca na primeira vez que passou o meio-campo. Não tivemos a velocidade e determinação exigíveis. Não foi a exibição que queríamos mas passando uma fase como a que passámos não se passa com um estalar de dedos mas com pequenos passos. Às vezes estas vitórias, em que queremos somar pontos, são importantes por isso."

Mudanças no onze prejudicaram?
"Falamos de jogadores que não têm tantas rotinas. O Krovinovic não jogava há meses e outros chegaram das seleções. Mas a qualidade existe e em condições normais, com velocidade normal, ganhávamos de outra forma. Mas essas mudanças podem ter tirado essas rotinas. Com o apoio do público a ajudar até ao fim."

Assobios e palmas no fim
"Queremos sempre que o público esteja sempre connosco. À vezes não acontece mas isso não tira o nosso foco. Estiveram ligados como nos. A insatisfação é compreensível mas é importante sentirmos que há só um Benfica dentro e fora do campo."

26
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.