Alberth Elis com regularização iminente junto da FIFA

SAD já procedeu à transferência em falta e aguarda desbloqueio por parte da MLS

• Foto: José Gageiro/Movephoto

O Boavista já procedeu à transferência em falta no sentido de cumprir todos os compromissos financeiros relacionados com a aquisição de Alberth Elis.

Ao que Record conseguiu apurar junto de várias fontes próximas ao processo, e confirmar junto de fonte da própria MLS, os meios financeiros foram assegurados e a partir de agora caberá à própria liga norte-americana acionar os mecanismos junto da FIFA no sentido de os axadrezados verem o seu impedimento de inscrição de reforços levantado. Caso contrário, terá de ser o próprio Boavista a comunicar a regularização da dívida relativa ao avançado que alinhou no Houston Dynamos antes de rumar a Portugal.

Isto claro, na perspetiva de a SAD do Bessa também conseguir fazer prova dos acordos alcançados em relação a outros casos que se encontravam pendentes, e que obrigaram os responsáveis do emblema da Invicta a um verdadeiro contra-relógio nas últimas horas. As limitações ainda deverão ser acentuadas na deslocação ao Gil Vicente, mas a partir da receção ao P. Ferreira a esperança é a de que o cenário seja radicalmente diferente.

Entretanto, deverão continuar sem ser validadas pela Liga as inscrições dos reforços Alireza, Kenji Gorré, Makouta, Felipe Ferreira e Abascal, tal como Nathan e Chidozie, uma vez que assinaram novos contratos com o clube, após empréstimos.

Os axadrezados, recorde-se, têm 21 elementos inscritos, entre eles Cannon, que ainda não voltou, Paulinho, Rami e Mangas, trio que já saiu do clube. A esperança para João Pedro Sousa volta a centrar-se, para o arranque do escalão principal, no rendimento dos jovens que deram nas vistas nos primeiros duelos da Allianz Cup.

Por Vítor Pinto e António Mendes
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Boavista

Notícias

Notícias Mais Vistas