Filipe Martins: «Se o jogo correr a nosso favor, vamos poder aproveitar alguma ansiedade do Marítimo»

Treinador antevê o duelo frente ao último classificado do campeonato

• Foto: Lusa
Depois de duas semanas de paragem devido aos compromissos das seleções, o Casa Pia volta a centrar atenções na Liga Bwin com uma deslocação ao terreno do Marítimo. No lançamento da partida, Filipe Martins reconhece que está à espera de uma formação insular mais entrosada com as ideias do técnico João Henriques. 

"Espero encontrar um Marítimo diferente, com vontade de dar a volta à situação incómoda na tabela classificativa [último lugar com zero pontos nas primeiras sete jornadas da Liga Bwin]. Não acredito em milagres, mas sim em trabalho e diz-se muitas vezes que um treinador novo consegue trazer uma mudança de mentalidade nos jogadores. Cabe-nos contrariar isso, colocar em prática os nossos processos de jogo. Acredito que se marcarmos primeiro, tivermos o jogo a nosso favor, vamos poder aproveitar alguma ansiedade normal do adversário que vai jogar em casa perante os seus adeptos", observou o técnico dos gansos, que assume que a paragem não vai ter influência no rendimento da equipa, que ocupa o surpreendente 6º lugar da tabela, com 14 pontos:

"Julgo que esta paragem foi benéfica. Conseguimos recuperar alguns jogadores com queixas físicas,  integrámos mais os reforços que chegaram na última janela do mercado de transferências. O principal aspeto trabalhado nestas duas últimas semanas foi a organização ofensiva. Estamos numa posição de conseguir fazer mais golos, embora pense que o nosso ataque [7 golos marcados em sete jogos ] não seja assim tao mau", brincou.

Ao lado do técnico na sala de imprensa esteve Romário Baró, que segue a mesma linha de pensamento do treinador para o jogo frente ao Marítimo.

"Será mais um jogo de 1ª Liga e os momentos das equipas não entram em campo. É verdade que o nosso adversário nao está numa boa, mas eles vão jogar em casa com o apoio dos seus adeptos, mas nós vamos lá com a maxima seriedade para trazer a vitória" afirmou o médio de 22 anos, cedido pelo FC Porto, que admite estar a viver uma 'nova vida' em Pina Manique:

"A minha integração está a correr muito bem. Quando vim para aqui, tinha o objetivo de voltar a encontrar-me como jogador. O mister está a ajudar-me e sinto-me bem novamente".

Para a viagem à Madeira, Filipe Martins apenas não pode contar com o avançado Antoine, que está a contas com uma lesão.
Por Luís Mendes Júnior
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Casa Pia

Notícias