João Paulo Rebelo e o Belenenses SAD-Benfica: «Que um episódio daqueles não se volte a repetir»

"Ninguém fica bem na fotografia", diz o Secretário de Estado da Juventude e do Desporto

• Foto: Fernando Ferreira
O secretário de Estado da Juventude e do Desporto admitiu esta quinta-feira que não se pode repetir o sucedido no jogo entre Belenenses SAD e Benfica, no sábado, da 12.ª jornada da Liga NOS.

"Diria que esse [jogo] seguramente não mereceria o cartão branco [de 'jogo limpo'] e, como já tive oportunidade de dizer, ninguém fica bem nessa fotografia", salientou aos jornalistas João Paulo Rebelo, à margem da cerimónia de entrega dos prémios do cartão branco, em Lisboa.

Devido a um surto do coronavírus SARS-CoV-2 que atingiu jogadores, treinadores e elementos da estrutura do clube - 13 dos quais infetados pela nova estirpe Ómicron -, o Belenenses SAD apresentou-se com nove jogadores no jogo com o Benfica, da 12.ª jornada da Liga NOS, no sábado.

O encontro foi suspenso no início da segunda parte, aos 48 minutos, depois de os azuis terem ficado sem o número mínimo de futebolistas legalmente exigido para o desenrolar de um jogo (sete).

Para a segunda parte do encontro, o Belenenses SAD regressou com apenas sete atletas, mas a lesão de mais um jogador originou o fim do encontro, que o Benfica vencia por 7-0.

"Importa sempre recordar que não cabe ao Governo, nem ao Estado, a organização destes espetáculos desportivos, cabe à Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP). Foram pedidos esses esclarecimentos, aguardo que esses esclarecimentos sejam feitos de forma escrita e formal", revelou o responsável.

João Paulo Rebelo disse que reuniu logo na segunda-feira com a LPFP, alertando os seus responsáveis para a necessidade de anteciparem cenários, sobretudo, num momento "absolutamente extraordinário" que é vivido em todo o mundo devido à pandemia de covid-19.

"Temos já em breve jogos, estamos sempre nessa iminência, as jornadas seguem-se umas às outras e, portanto, é fundamental que também nos organizemos -- e quando digo 'nos', particularmente os promotores, naturalmente, mas com o Estado e o Governo a fazerem a sua parte e a ajudarem no que for necessário -, o fundamental é que um episódio daqueles que, volto a dizer, não ilustra bem ninguém, não se volte a repetir", reforçou.

E acrescentou: "Eu pedi essas explicações no domingo e, na segunda-feira, ao final da tarde, tivemos uma reunião, diria até numa perspetiva mais de futuro, mais prospetiva, onde naturalmente abordámos alguns detalhes e onde alguns pormenores me foram passados relativamente ao sucedido no sábado. Mas, na verdade, espero o detalhe escrito de tudo o que aconteceu".

Segundo o governante, "mais importante do que averiguar tudo o que aconteceu", é garantir que "no futuro não volta a acontecer".

Questionado sobre a realização do encontro entre Vizela e Belenenses SAD, agendado para segunda-feira, enquanto os lisboetas cumprem isolamento, João Paulo Rebelo reiterou advertido par aa necessidade de antecipar os problemas.

"Tive conhecimento que hoje, acho que foi mesmo hoje, pelas notícias, que houve o adiamento de um outro jogo. Simultaneamente, tive a informação que também conheceríamos resposta relativamente a esse jogo do Vizela com o Belenenses SAD", lançou, admitindo que considera prudente o adiamento do jogo.

O encontro entre Tondela e Moreirense, da 13.ª jornada da Liga NOS, que deveria ocorrer no sábado, foi adiado para 03 de janeiro de 2022, devido ao surto de covid-19 nos beirões, que solicitaram esta alteração à LPFP.

Por Lusa
6
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de Liga Bwin

Notícias

Notícias Mais Vistas