André Franco: «Sou um jogador que honra o símbolo que leva ao peito»

Reforço do FC Porto mostrou-se curioso por ver de perto o trabalho de Pepe e Otávio

• Foto: FC Porto
André Franco é o mais recente reforço do FC Porto e, depois da cerimónia privada de apresentação, foi ao relvado do Estádio do Dragão mostrar o seu cartão de visitas.

"Sou um jogador que gosta de ter a bola no pé, que gosta de definir no último terço e que gosta de fazer a ligação entre o sector médio e o atacante. E acho que podem esperar um jogador que dá tudo em campo e que honra o símbolo que leva ao peito", afirmou o médio formado no Sporting e que o FC Porto contratou ao Estoril, por 4 milhões de euros que garantem 90 por cento dos direitos económicos.

Ainda há comunicação portista, André Franco falou do momento em que colocou o preto no branco do contrato de cinco anos que o FC Porto lhe ofereceu. "A palavras que melhor define isso é orgulho, orgulho de poder representar este clube, de dar este passo na minha carreira e de poder estar aqui a ajudar o FC Porto a ganhar muitos títulos e a atingir todos os seus objetivos", salientou.

E prosseguiu sobre a forma como os que lhe são mais chegados viveram este salto na carreira: "Família e amigos, toda a gente ficou orgulhosa de mim por este passo que dei. Acho que as pessoas que gostam de mim vão ficar muito felizes daqui para a frente com tudo o que irei conquistar neste clube."

Muito elogiado pelo antigo treinador no Estoril, André Franco espera convencer Sérgio Conceição de igual forma. "Esse é também um grande desafio neste passo que dei e estou aqui para assimilar as ideias do míster e conseguir evoluir muito", prometeu e acrescentou: "Tenho muito aprender, não só com o míster mas também com os colegas de equipa que têm muito mais experiência em diferentes campeonato. Agora, é extrair o melhor de todos para conseguir evoluir e ajudar o FC Porto a atingir os objetivos".

No Estoril marcou muitos golos e fez muitas assistências, mas garante que isso não traduz por completo o que sente que pode fazer em campo: "Acho que há muita coisa para além dos números. Números é difícil de prometer, o que posso prometer é empenho e trabalho e os números serão uma consequência disso mesmo."

Sobre os novos colegas de equipa no FC Porto, André Franco não escondeu que há alguns que lhe suscitam maior curiosidade: "O trabalho do Pepe é algo que tenho curiosidade de conhecer. E o do Otávio também, sempre gostei da forma que ele joga e do empenho que coloca no seu jogo."

Em 2018, o reforço portista chegou a pensar em deixar de jogar futebol, revelando, agora, que "estava numa situação muito má" e que, "felizmente", conseguiu "dar a volta por cima e chegar a este grande clube" de que tem algumas referências. "Gostava muito de ver o Deco jogar e o Lucho González também. Foram jogadores que marcaram a história do FC Porto e eram craques dentro do campo, gostava muito de os ver", reconheceu.

Sobre os adeptos portistas, que só conhece como adversários, não tem dúvidas. "Não é necessário pedir o apoio deles, porque eles já apoiam de forma incondicional e acho que junto vamos ter muitas alegrias", perspetivou, rematando com a certeza de que jogar perante eles e do mesmo lado da barricada será "um orgulho e um sentimento de sonho realizado."
Por Record
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas