Belenenses SAD-Benfica: FC Porto arrasa João Paulo Rebelo e fala em "acontecimento estapafúrdio"

Dragões criticam duramente secretário de Estado do Desporto e falam das "lágrimas de crocodilo do presidente da B SAD"

O resumo do Belenenses SAD-Benfica (0-7), um jogo que ficará para a história pela negativa
O FC Porto criticou duramente a realização do Belenenses SAD-Benfica, sublinhando que o futebol português se prestou ao "ridículo de iniciar um jogo em que uma das equipas só tinha nove jogadores em campo, dois deles guarda-redes, e nenhum suplente". No 'Dragões Diário' deste domingo, os azuis e brancos atiram a João Paulo Rebelo, secretário de Estado da Juventude e do Desporto - "um dos mais incompetentes governantes da história de Portugal", escrevem - e garantem: "as marcas de um acontecimento tão estapafúrdio não se esbaterão tão cedo".

"O futebol português encheu ontem à noite os noticiários desportivos um pouco por todo o mundo, depois de se ter prestado ao ridículo de iniciar um jogo em que uma das equipas só tinha nove jogadores em campo, dois deles guarda-redes, e nenhum suplente, na sequência de um surto de covid que atingiu cerca de duas dezenas de pessoas. O triste espetáculo de Oeiras é a cereja no topo do bolo que marca o fim dos mandatos de um dos mais incompetentes governantes da história de Portugal, João Paulo Rebelo, poucos dias depois de o Parlamento ter revogado por unanimidade a iniciativa mais significativa que concebeu, o inútil cartão do adepto. As marcas de um acontecimento tão estapafúrdio não se esbaterão tão cedo. Nem as lágrimas de crocodilo do presidente da B SAD ajudarão a diluí-las…", pode ler-se na newsletter do FC Porto.
Por Record
138
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas