Conceição: «Não olhamos para os 25 milhões que gastámos e para os 250 milhões que o Chelsea gastou»

Treinador do FC Porto sublinha que "não há impossíveis" na eliminatória da Champions

• Foto: Lusa

À semelhança de Pepe, também Sérgio Conceição abordou as diferenças de orçamento entre FC Porto e Chelsea, equipas que amanhã medem forças na 1.ª mão dos quartos de final da Liga dos Campeões, em Sevilha.

"Na vida não há impossíveis, principalmente no desporto em geral. Vão defrontar-se duas equipas, cada uma com as suas valias, com a sua ideia de jogo bem patente no que fazem semanalmente. Olhamos para o Chelsea e vemos que esses testes semanais são bem mais competitivos do que os nossos, jogos com um grau de dificuldade enormíssimo, isso é uma vantagem para eles. De qualquer maneira, quando nos encontrarmos em campo não vamos pensar que nós gastámos 25 milhões de euros e que o Chelsea gastou 250 milhões no mercado. Não vamos pensar que o Evanilson foi o nosso jogador mais caro, que foram 8 milhões, e que no caso deles foi o Havertz, que custou 80. Se pensarmos nisso... As equipas que jogam connosco na nossa liga podiam pensar o mesmo. Em campo são 11 contra 11 e a partir daí não há impossíveis, tudo é possível", afirmou esta terça-feira em conferência de imprensa.

«A história diz-nos que no FC Porto não há impossíveis»: o apoio das claques no Olival

Por Record
13
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas