Fabiano e Vaná na luta pela baliza

Guardiões brasileiros têm presença garantida no início dos trabalhos e com motivação especial

• Foto: MoveNotícias

A renovação de Iker Casillas fez esmorecer as possibilidades da concorrência relativamente à luta pela titularidade, mas não é por isso que Fabiano e Vaná vão deixar de sonhar por um lugar ao sol. Os dois brasileiros vão estar no arranque dos trabalhos, a 2 de julho, para tentar convencer Sérgio Conceição a dar-lhes um lugar no plantel que vai atacar o bicampeonato e a partir daí a luta pela baliza está em aberto.

Vaná jogou apenas 80 minutos na sua temporada de estreia no FC Porto, mas teve a seu favor o facto de ter ultrapassado José Sá na hierarquia dos guarda-redes na parte final do campeonato. Houve clubes a manifestar interesse nos seus serviços, mas Sérgio Conceição fechou a porta a essa possibilidade, contando com o brasileiro, de 27 anos, no arranque dos trabalhos. O próprio Vaná assumiu que parte mais forte para a nova época, depois de um ano de aprendizagem e adaptação a um clube com a dimensão do FC Porto.

Fabiano teve um ano difícil, a recuperar de uma lesão num joelho, mas ainda foi a tempo de ser campeão, com 10 minutos em campo. Aos 30 anos, o brasileiro sabe que também tem a confiança de Sérgio Conceição, técnico que o lançou no Olhanense, e a possibilidade de começar a pré-temporada em igualdade de circunstâncias com os companheiros abre-lhe novas perspetivas.

Quem perdeu espaço foi José Sá, que, tal como o nosso jornal revelou, está no mercado. O português chegou a ser titular, mas num ápice passou a suplente e daí a não convocado. Tudo indica que também comece os trabalhos no plantel principal, mas a SAD está a tentar encontrar uma boa solução para todas as partes.

Por Rui Sousa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas