Francisco J. Marques: «Quarta-feira é um dia de fronteira no caso e-Toupeira»

Diretor de comunicação do FC Porto destaca início da fase de instrução

• Foto: MOVENOTICIAS

Francisco J. Marques assinalou a "mudança de circunstâncias" no caso e-Toupeira, esta noite, no Porto Canal, catalogando o início da fase de instrução do processo como um "dia de fronteira".

"Amanhã [esta quarta-feira] marca uma mudança de circunstâncias. Temos estado numa circunstância com um sem número de denúncias e amanhã já não é mais possível comprar uma viagem de avião à pressa para não prestar declarações, ou fingir amnésia para fazer o mesmo... Este é um dia de fronteira entre o que tivemos até aqui e o que teremos. Há regras e prazos a cumprir. (...) Antes do natal, na 2ª ou 3ª semana de dezembro, vai saber-se quem vai a julgamento. E, num cenário em que todos irão a julgamento, este será marcado para o primeiro trimestre de 2019. Só se alguém não for pronunciado é que haverá recursos. Assim, meados de dezembro é uma altura que considero relevante", referiu o direitor de comunicação portista.

Para exemplificar a anunciada mudança de paradigma, Francisco J. Marques lembrou o noticiado encontro entre Luís Filipe Vieira e Paulo Gonçalves, na semana passada, criticando a oportunidade da reunião. "O que tivemos antes disto foi uma SAD que andou a brincar com o Ministério Público. Ainda na semana passada tivemos notícia de um encontro que se pretendeu apresentar como casual, entre o presidente do Benfica e o Paulo Gonçalves, num hotel de Lisboa. Casual aqui só mesmo a indumentária de Luís Filipe Vieira… Mais uma vez, o Luís Filipe Vieira e o Paulo Gonçalves gozam com o Ministério Público. Não há proibição de contactos, mas é de bom tom, no mínimo, haver algum decoro. Depois houve o folhetim de que ele estaria a trabalhar da renovação do Salvio. Mas então ele não deixou de trabalhar na SAD do Benfica?", questionou.

Por fim, foram elencadas ainda as datas em que arguidos e testemunhas vão prestar declarações no âmbito da fase de instrução do caso e-Toupeira durante este mês de novembro: Júlio Loureiro (14); Paulo Gonçalves (16); Domingos Soares Oliveira e Nuno Gaioso (19); Fernando Gomes, Pedro Proença, Miguel Moreira e Luís Bernardo (20). Para dia 26 está agendado o debate instrutório.

Por André Monteiro
67
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas