Malang Sarr revela ajuda especial no Porto: «Senti-me muito bem e ele foi a razão principal»

Francês lembrou passagem pela Invicta, com especial destaque para a eliminatória da Champions com a Juventus

• Foto: Getty Images

De regresso ao Chelsea para tentar afirmar-se, Malang Sarr recordou em declarações ao site do Chelsea a sua passagem pelo FC Porto, com especial destaque para a segunda mão dos 'oitavos' da Champions do ano passado, diante da Juventus. Nessa partida, Sarr entrou em campo após a expulsão de Taremi à hora de jogo e ajudou os dragões a conseguirem um feito que foi destacado em toda a Europa e que ainda segue bem vivo na sua memória.

"Esse jogo foi inacreditável, com muitos altos e baixos. Entrei depois do cartão vermelho. Sabia que ia ser duro, especialmente jogando dez contra onze. Isso tornou tudo mais difícil, mas a equipa começou a atuar de forma diferente. Elevámos o nível e jogámos como se estivéssemos onze em campo. Todos deram tudo o que tinham, sentir isso foi fantástico. Acabar o jogo assim, com um golo no último minuto, frente à Juventus, wow! É esse o tipo de jogos que queres jogar, 10 contra 11, com todas as dificuldades e coisas contra ti, esse foi mesmo o jogo. Lutámos contra todas as adversidades", lembrou o defesa, que nos dragões diz ter vivido um sonho de criança ao jogar a Liga dos Campeões.

Na mesma entrevista, Sarr assumiu que houve uma figura histórica de ambos os clubes que o ajudou enquanto esteve na Invicta: Paulo Ferreira, ex-jogador de ambas as equipas que agora trabalha na estrutura dos blues. "Foi muito simpático comigo. Falávamos quase todos os dias, tentava saber novidades, perguntava-me o que estava a achar, a ver se estava tudo bem. Senti-me muito bem no FC Porto e ele foi a razão principal. Estava sempre a cuidar de mim. Até me deu algumas dicas com a língua!", revelou o francês.

Depois da Juventus, o FC Porto caiu perante o Chelsea, que viria a sagrar-se campeão europeu. Nesse momento, Sarr assume que já previa o sucesso blue. "Depois dos dois jogos, pensei logo que o Chelsea ia ganhar, de certeza! Foi muito difícil jogar contra o FC Porto. As equipas sentiram dificuldades para equilibrar a intensidade defensiva e ficar ao mesmo nível. O Chelsea sentiu algumas dificuldades, mas não tanto quanto outras equipas. Estiveram muito sólidos e fizeram um grande trabalho. Dali em diante sabia que iam conseguir".

Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.