Maxi Pereira: «Viu-se alguma falta de confiança»

Quer que tudo melhore agora com o novo treinador

• Foto: José Moreira

Maxi Pereira foi titular no primeiro jogo com José Peseiro e não teve problemas em referir que não é fácil "apanhar" as ideias do novo técnico em tão pouco tempo.

"A equipa do Marítimo é muito difícil de ultrapassar, sempre complicada. Tem bons jogadores e sabíamos que ia ser difícil. Precisamos dos três pontos para jogar melhor e manter a confiança. Hoje viu-se alguma falta de confiança. Viram-se jogadores a errar passes que não é normal pela falta de confiança. Era um jogo para ganhar os três pontos e continuar com confiança, jogar melhor até porque temos um treinador novo e queremos captar rápido aquilo que ele quer", referiu à Sport TV, este domingo, sublinhando que agora é tempo de trabalhar

"Tentámos pelo meio. O Marítimo fechou bem o meio e tem jogadores rápidos no contra-ataque. Tentámos fazer o que o treinador nos pediu. Não é fácil. São poucos dias com ele. Agora temos alguns dias para trabalhar e pouco a pouco, perceber o que o treinador quer e melhorar o futebol que é o mais importante".

Sobre os lances em que os jogadores do FC Porto pediram penálti na área do Marítimo, Maxi Pereira não se quis alongar. Apenas lamentou o cartão amarelo concedido por Jorge Ferreira por simulação.

"Fiquei chateado pelo amarelo que me deu [o árbitro] por simulação. Cada um terá a sua opinião, se foi penálti ou não, mas em nenhum momento tentei simular. Se caí é porque me tocou. Não me parece que merecesse amarelo. Os árbitros dão amarelo não sei porquê. Vocês [jornalistas], que estão de fora e veem a televisão, poderão dizer se foi penálti ou não", clarificou, por fim.

Por Flávio Miguel Silva
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.