Os seis focos de insatisfação

Portistas perderam a paciência

• Foto: EPA

Frustração. A equipa desperdiçou duas oportunidades de ascender à liderança do campeonato no espaço de duas jornadas. Uma delas quando empatou, no Dragão, frente ao V. Setúbal, e na semana seguinte repetiu o desfecho diante do Benfica, na Luz, na casa do rival direto.

Fortaleza cedeu. Se a igualdade diante do V. Setúbal impediu os portistas de chegarem ao primeiro lugar, um novo empate surpreendente, perante o Feirense, não deixou que a equipa reduzisse para um ponto a diferença em relação ao Benfica e isso irritou os adeptos.

Rodízio tático. Nuno Espírito Santo explicou desde o início que iria adaptar o esquema tático às circunstâncias de cada jogo, mas essa opção nunca foi bem entendida pela nação portista, que tem questionado as constantes alterações não só táticas como de jogadores. O exemplo mais recente foi o desvio de Otávio do centro, onde tinha estado bem em Chaves, para o flanco direito.

Arbitragens. O FC Porto tem colocado sobre o sector da arbitragem um foco permanente, ao ponto de ter rotulado este campeonato como a ‘Liga Salazar’, mas só recentemente é que Nuno Espírito Santo se intrometeu na guerra. Nas redes sociais, os adeptos já deixaram bem claro que os erros dos árbitros não são os únicos responsáveis pela carreira irregular da equipa.

Opções de risco. Independentemente da boa exibição de Fernando Fonseca na Madeira, foi notória a ausência de Layún. Tal como Brahimi, que esteve longe da equipa durante muito tempo por decisão do técnico, o mexicano também é muito apreciado pelos sócios e o seu afastamento dos convocados provocou sinais de insatisfação.

Discurso. Elogiado pela ponderação e correção no discurso, especialmente pelos adversários, Nuno Espírito Santo tem sido criticado pelos próprios adeptos, que lhe apontam alguma falta de ‘chama’ na mensagem.

5
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas