Pinto da Costa esclarece negócios com o Tombense e diz que vai enviar contratos ao Ministério Público

Presidente dos dragões diz que transferências de Evanilson, Caíque, João Marcelo e Wesley foram "legais"

A carregar o vídeo ...
Aníbal Pinto: «Todos os jogadores do Tombense vieram para o FC Porto por empréstimo, custo zero e sem comissão, exceto Evanilson»

No dia em que a SAD do FC Porto apresentou as contas do último exercício, fechado com o maior lucro da história (33,4 milhões de euros), Pinto da Costa veio a público falar de outros temas da atualidade portista, incluindo a polémica em tornos dos negócios com o Tombense.

A este propósito, o presidente dos dragões garantiu que todas as transferências feitas recentemente com o emblema brasileiro - Evanilson, João Marcelo, Caíque e Wesley, os três últimos da equipa B - foram legais e até se predispôs a enviar os contratos ao Ministério Público, de forma a esclarecer quaisquer dúvidas.

"Vou esclarecer o processo do Evanilson. O Evanilson foi comprado ao Tombense, porque era do Tombense, mas estava emprestado ao Fluminense. Foi com o Tombense que o FC Porto negociou, num contrato claríssimo, que frisa que o jogador rescindiu no Fluminense para vir para o FC Porto. Os outros jogadores, o João Marcelo, o Caíque e o Wesley, vieram a custo zero, por empréstimo, sem qualquer comissão. Vão apenas custar estadia aqui e ordenado. Não envolveu comissão de empréstimo seja para quem for. Vamos enviar contratos ao Ministério Público para, se for verdade, não perderem tempo e confirmarem a veracidade do documento e que todas as transferências foram feitas legalmente", referiu o líder portista.

Por Nuno Barbosa
109
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas