Pinto da Costa revela cláusula de Tomás Esteves: «Não quero que saia, mas se o mercado pagar...»

Presidente do FC Porto explica aposta do clube para segurar pérolas da formação

Lateral-direito prolongou vínculo com os dragões até 2024
Lateral-direito prolongou vínculo com os dragões até 2024 • Foto: FC Porto

O presidente do FC Porto admite que o clube pode perder algumas das pérolas da formação para clubes estrangeiros mas garante que tudo está a ser feito para evitar esse desfecho, dando como exemplo a recente renovação de Tomás Esteves

"Nós fazemos o que podemos. O Tomás Esteves ainda agora renovou, sei que é um fanático pelo FC Porto. Tinha uma cláusula de 10M€ e passou para 40M€. Eu não quero que ele saia, mas se o mercado pagar... O FC Porto tem de proteger procurando ter as cláusulas mais elevadas. O problemas dos salários é que lá fora há uma diferença brutal de capacidade de pagamento", referiu Pinto da Costa em entrevista ao Porto Canal.

Reforços

"Vamos procurar contratar jogadores para lugares específicos e que garantam qualidade. Não vamos dizer que é só formação. Se precisarmos por exemplo de um central e não houver um na formação que dê garantias de imediato..."

1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas