Sérgio Conceição atira-se a Fábio Veríssimo: «Foi a arbitragem mais infeliz que vi na vida»

Recorda três jogos em que o FC Porto foi prejudicado incluindo o clássico

Sérgio Conceição quebrou este sábado o silêncio sobre a revolta da equipa no jogo com o Feirense lembrando três arbitragens 'infelizes'. Na altura, o treinador portista não deu a habitual conferência de imprensa e os dragões queixaram-se de ter sido prejudicados em sete ocasiões.

"O clube já fez uma exposição ao Conselho de Arbitragem, não há muito mais a dizer. Acho que foi uma noite infeliz, talvez o jogo que eu vi, em toda a minha carreira, em que o árbitro foi mais infeliz na sua prestação. Mas isso acontece. Aconteceu-nos em três jogos este ano: antes do clássico [Aves], antes do dérbi [Benfica-Sporting] e no nosso jogo com o Benfica. Foram três noites infelizes por parte da equipa de arbitragem, incluindo o VAR", afirmou na conferência de imprensa de antevisão do jogo frente ao V. Guimarães (amanhã, 20H15).

E prosseguiu: "O que eu gosto é de pessoas coerentes e com discurso coerente... Ouvi alguém dizer que os árbitros devem consultar mais vezes os aparelhos que têm à disposição, nomeadamente os ecrãs, consultar mais vezes o VAR... Lembro-me do jogo com o Benfica no Dragão, onde se calhar se o Jorge Sousa fosse ver a mão do Luisão na área, teria marcado penálti. Desta incoerência é que não gosto muito".

"Lembro-me de nessa altura dizerem que estavam ali para falar do jogo, não de arbitragens. Enfim, foi muito merecida a nossa vitória, por tudo o que se passou. Foi a arbitragem mais infeliz a que assisti enquanto jogador e treinador", concluiu.

40
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas