Sérgio Conceição: «Não quero focas de circo nem malabaristas. Quero jogadores de futebol»

Treinador do FC Porto satisfeito com o rendimento da equipa após mais uma vitória na Champions

Depois da vitória por 3-0 frente ao Marselha, Sérgio Conceição mostrou-se satisfeito com o rendimento da equipa Foi uma resposta positiva após a derrota no campeonato, tendo o treinador do FC Porto lembrado que a sua equipa "sabe mudar o chip"


Que análise faz ao jogo, após a exibição de Paços de Ferreira?

– Fomos uma equipa bastante organizada, a perceber a forma como o adversário podia ser perigoso e a causar-lhe problemas. Eles tiveram o penálti que podia dar-lhes alguma confiança, porque até ao momento não tinham criado nada. O rigor que tivemos no jogo foi grande e parabéns aos jogadores pelo bom jogo. Estes jogos são de grandíssimo nível, outros jogos são mais difíceis de preparar. Nestes três anos aqui, temos demonstrado são só na Liga dos Campeões como no campeonato que sabemos mudar o ‘chip’. Ganhámos dois campeonatos em três e no que perdemos fizemos 80 e tal pontos. Não queiram pegar numa situação que não corre tão bem para colar selos. É habitual em Portugal colar-se um selo e andar ao sabor desse selo como convém, ou como convém a muita gente...

– O FC Porto foi forte na reação à perda. Esteve aí parte do segredo para este resultado?

– Fomos uma equipa agressiva e isto não tem a ver com dar porrada. Somos agressivos na pressão, ao ter um elemento agressivo na frente, o 3º golo é exemplo da agressividade ofensiva. Nas segundas bolas fomos muito fortes. Mostrámos em muitos momentos que jogamos muito bem, muito bem! São os tais selos que querem colocar... Nós olhamos para o Marega como um jogador que tecnicamente não é bom, mas vemos que tem quase 70 golos no campeonato nestes anos e na Champions é quase um golo a cada dois jogos. Por vezes vejo criticarem jogadores que não são focas do circo. Mas eu não quero focas de circo, nem malabaristas. Quero jogadores de futebol.

– Qual a importância de ter alguém como Otávio, que joga em várias posições?

– Os nossos dois alas são muito inteligentes. É uma felicidade para um treinador ter jogadores desta dimensão. Corona já foi elogiado por jogar a lateral-direito, como na Luz na época passada, e na semana passada já foi um crime...

– Como olha para as contas do Grupo C?

– Está tudo por decidir ainda. Mas o próximo jogo pode ser muito importante.

Por André Gonçalves
2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas