Sérgio Oliveira: «O máximo respeito que podemos ter pelo adversário é jogar na máxima intensidade»

Médio destaca seriedade dos dragões perante o Sintrense

Sérgio Oliveira quebrou resistência do Sintrense com esta bomba
Autor de dois golos e uma assistência diante do Sintrense, Sérgio Oliveira enalteceu a atuação coletiva do FC Porto  e a seriedade apresentada perante o conjunto das divisões inferiores.

"É um jogo em que só temos a perder. Temos claramente obrigação de ganhar, de mostrar seriedade como o mister assim o disse. Acho que o demonstrámos desde o primeiro até ao último minuto e o máximo respeito que podemos ter pelo adversário é jogar na máxima intensidade", começou por comentar, em declarações à SportTV.

Questionado sobre os efeitos da paragem para as seleções, o médio vê o lado positivo. "Foram duas semanas a trabalhar para quem não foi às seleções. Deu tempo para prepararmos bem o jogo. Quem ficou no Olival, teve oportunidade de se concentrar da melhor forma para um jogo com pouco mediatismo, mas é aqui que se vê as grandes equipas e nós hoje acho que assim o fomos."

Lançado de início, Sérgio Oliveira disse presente, mas mesmo assim não entende este duelo como uma oportunidade. "Eu não tenho que aproveitar a oportunidade. Quando o mister me põe a jogar, eu dou o meu melhor. Sinto-me inteiramente integrado no grupo quer jogue de início, quer não jogue. O mais importante é ganhar."

Quanto ao que aí vem, com jogo de Champions com o Milan, a mensagem é clara: "É um jogo de tudo ou nada para nós. Vamos encará-lo com a máxima seriedade, tal como encaramos este, e queremos ganhar o jogo."
Por Record
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas