Vasco Seabra quer testar novos processos no estágio do Marítimo em Lousada

Madeirenses têm quatro jogos agendados no norte do país entre 17 e 27 de julho

• Foto: Facebook Marítimo
O treinador do Marítimo, Vasco Seabra, disse este sábado que o estágio em Lousada, que se inicia no domingo, vai servir para unir a equipa da Liga Bwin e "testar novos processos, contra diferentes ideias de jogo".

Os verde-rubros preparam-se para iniciar a segunda fase da pré-temporada, à semelhança de anos anteriores, no norte do país, com o centro de ação a ter lugar no Complexo Desportivo de Lousada, entre 17 e 27 de julho, tendo quatro particulares agendados, com Penafiel (20 de julho), Casa Pia (23 de julho), Leixões e Boavista (ambos em 26 de julho). 

"Vai ser importante para estes processos que andamos a falar serem testados contra diferentes ideias de jogo e ritmos mais altos, para a equipa conseguir preparar-se e chegar do estágio muito mais coesa e integrada e sabendo que todos seremos sempre poucos", destacou o técnico de 38 anos aos órgãos de comunicação do clube, no final do particular diante do Nacional, da Liga Sabseg.

O encontro amigável entre os rivais madeirenses teve lugar no reduto alvinegro e foi vencido pelos leões pela margem mínima, com um golo apontado por Joel Tagueu aos 13 minutos.

"Estivemos muito melhores em algumas coisas, em outras ainda precisamos de afinar, crescer, sermos mais competitivos, mais fortes, capazes de saber pressionar melhor, ter mais tempo a bola e ser uma equipa mais coesa", adiantou Vasco Seabra sobre o terceiro teste do Marítimo, após o empate (2-2) diante da equipa de sub-23 e a vitória sobre a equipa B (1-0).

O líder da equipa técnica insular descreveu as primeiras três semanas de preparação como exigentes, mas adiantou que não poderia estar mais satisfeito com o empenho dos seus jogadores.

"Acreditamos que só dependemos do nosso trabalho e daquilo que somos capazes de fazer e isso exige que a nossa atitude esteja no limite, e tem estado", sublinhou o treinador que assumiu a formação maritimista na temporada transata, à 12.ª jornada, e conduziu os madeirenses ao 10.º posto da competição.

Para os jogadores poderem chegar à competição "preparados para aquilo que aí vem", o treinador acredita que a equipa ainda tem de "aumentar mais o nível e o ritmo" na segunda fase da pré-temporada, no estágio que arranca no domingo.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

Ultimas de Marítimo

Notícias

Notícias Mais Vistas