Augusto Inácio: «Admito que o FC Porto se possa sentir prejudicado»

Treinador e a arbitragem na partida contra os dragões

• Foto: MoveNoticias
Augusto Inácio, treinador do Moreirense, admitiu que o FC Porto possa ter razões de queixa da arbitragem na partida que terminou com a vitória dos cónegos, por 1-0.

Surpreendido por estar na ‘final four’ da Taça CTT?

– A maioria das pessoas estava enganada porque dava como certo que o FC Porto ou o Belenenses se apurassem para o Algarve. Estamos nos quatro melhores de uma prova que foi festa para os grandes irem à ‘final four’. Às vezes aparecem outsiders, a nossa preocupação é tirar o clube dos lugares aflitos do campeonato, mas se estamos aqui vejo-me a ganhar esta prova.

A arbitragem teve peso no resultado final?

– Admito que possa existir alguma coisa no jogo em que o FC Porto se sinta prejudicado, mas só vou comentar depois de rever o jogo. Mas não tenho problemas em dizer se tivermos sido beneficiados, pois o paradigma tem de mudar. Acho que temos de mudar esta mentalidade. Os treinadores queixam-se quando são prejudicados mas quando são beneficiados calam-se. É altura de todos refletirem e quando forem beneficiados falar disso. A minha equipa teve um grande rigor tático e um espírito de sacrifício enormíssimo. O FC Porto foi superior na 1ª parte, mas na 2ª estivemos fantásticos. Libertámo-nos, aguentámos a pressão do FC Porto e no final podíamos ter dilatado o marcador em três ou quatro situações.

11
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Moreirense

Notícias

Notícias Mais Vistas