Francisco Geraldes e o penálti que valeu uma taça: «O Matheus deixou o pé para me acertar»

Sobre o regresso ao Sporting, o médio admitiu já haver acordo entre os presidentes dos dois clubes

• Foto: Ricardo Nascimento

Francisco Geraldes considera que o árbitro Artur Soares Dias decidiu bem ao assinalar o penálti cometido sobre si e que acabou por determinar este domingo a conquista pelo Moreirense na Taça CTT.

"O Matheus deixou o pé para me acertar, o árbitro esteve bem em marcar penálti", afirmou o médio ofensivo do conjunto treinado por Augusto Inácio, não querendo alargar-se muito sobre as notícias que dão conta do seu regresso ao Sporting nos próximos dias.

"Não sei se é a despedida. O importante é festejar agora. O resto logo se verá", começou por adiantar Francisco Geraldes, voltando, sem grande interesse, ao tema, mais adiante: "Isso são trivialidades. Os presidentes já chegaram a acordo, mas o que importa é festejar com adeptos. Sporting? Não vou confirmar. Mercado só fecha a 31, depois teremos a confirmação."

Quanto ao triunfo arrancado a ferros, diante do Sp. Braga, o jovem futebolista explica-o com a força interior. A sua e a dos companheiros de equipa. 

"No plano teórico ele [Sp. Braga] eram favoritos, mas a força interior e o acreditar de que é possível tem que estar presente em tudo na vida. Mostrámos em campo que as camisolas não ganham jogos. O trabalho que fizemos, todos juntos, deu-nos este fruto incrível", destacou Geraldes, não esquecendo, claro está, o apoio dos adeptos.

"Há que agradecer o apoio incansável dos adeptos. Uma viagem longa só para apoiar-nos. Foi marcante, histórico. Há que festejar agora", cocnluiu, seguindo para a festa, com os companheiros de equipa.

Por Pedro Gonçalo Pinto
4
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Moreirense

Notícias

Notícias Mais Vistas