Vítor Oliveira: «Deixámo-nos enganar»

Treinador não gostou de sair de Tondela com um empate

Vítor Oliveira não ficou satisfeito com o empate do Portimonense diante do Tondela. O treinador dos algarvios considera que a sua equipa jogou bem e que a igualdade acabou por ser melhor para o adversário.

Insatisfeito
"Se vou satisfeito com o resultado? Não vou. Acho que merecíamos mais do que um ponto por aquilo que fizemos durante 90 minutos. Entrámos muito bem no jogo, a controlar o jogo, fizemos um golo e depois acabámos por sofrer dois golos em situações para as quais estávamos devidamente preparados. Deixámo-nos enganar."

Oportunidades
"A primeira parte acabou por ser equilibrada, sempre com maior domínio até da nossa parte. Na segunda, tirando os cinco minutos iniciais, em que o Tondela acaba por ter uma boa oportunidade, estivemos sempre mais próximos do golo que o Tondela. Chegámos ao 2-2 e podíamos ter chegado ao 3-2. Não chegámos, o que também é mérito do Tondela."

Jogo disputado
"Penso que foi um jogo disputado, um jogo dividido, com as duas equipas a baterem-se com muita determinação. Penso que, atendendo ao que as equipas produziram, o empate foi melhor para o Tondela do que para o Portimonense."

Pontos
"Eu penso que estes 35 pontos (que o Portimonense tem) são suficientes. A qualidade do jogo que temos apresentado nas últimas jornadas permite-nos acalentar a esperança de fazer mais pontos".

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Portimonense

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.