Abel: «A minha mensagem foi clara. Preferiram olhar para a forma e não para o conteúdo»

Treinador do Sp. Braga considera que final da Allianz Cup teve três grandes equipas

• Foto: Simão Filho

Abel Ferreira considera que a sua mensagem após o jogo da meia-final da Allianz Cup - jogo que os minhotos perderam nos penáltis frente ao Sporting - foi clara e sem clubismos.

"Tenho muitos anos de futebol e sei como funciona. A minha mensagem foi muito clara, o conteúdo está lá todo, não adianta mexer no que foi dito. As pessoas de bem trabalham duro, trabalham bem, são competente, querem cada vez mais aprender. Foi o que nós tivemos neste jogo: experiência, conhecimento. Tudo o que nós planeamos foi feito, tudo. O que nós controlamos foi feito tudo, do início ao fim. Quando falo, falo sem clubismos, falo a verdade e portanto quem fala a verdade só tem de assumir isso. Falar aquilo que pensa, falar de forma calma, é certo, mas a verdade. É olhar para o conteúdo, é sempre possível melhorar, toda a gente pode melhorar", afirmou o treinador do Sp. Braga.

"Tudo na vida vem para nos ensinar a todos. E prova disso foi o que se fez na final, uma grande final, com três grandes equipas e isso é que tem de ser o normal", referiu.

Abel Ferreira deixa apelo: «Não metam linhas nas transmissões»




"Clubismos à parte, desde o primeiro dia que falo da minha obrigação enquanto treinador, preferiram olhar para a forma e não para o conteúdo, entendo e volto a repetir, tudo na vida vem para nos ensinar a todos e, vos garanto, eu gosto muito de aprender."

Abel dá murro na mesa: «Não sabia que a injustiça me tirava do sério»

14
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sp. Braga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.