António Salvador absolvido pelo Conselho de Disciplina da FPF

Em causa declarações sobre arbitragem após meia-final da Allianz Cup

• Foto: José Gageiro

António Salvador, presidente do Sp. Braga, foi absolvido pelo Conselho de Disciplina da FPF, em resultado do processo disciplinar instaurado na sequência das polémicas declarações proferidas pelo dirigente após a meia-final da Allianz Cup, com o Sporting, no qual enfrentava uma acusação da lesão de honra. Apesar de absolvido na queixa principal, o presidente dos minhotos foi punido pela infração inobservância de outros deveres com multa de 574 euros.

O processo disciplinar ao presidente arsenalista foi aberto no final de janeiro passado e, depois dos vários procedimentos habituais, o organismo validou a defesa apresentada - aspeto de grande importância para este desfecho - e, assim, decidiu absolver António Salvador. 

Já Luís Filipe Vieira, presidente do Benfica, também fora alvo de processo disciplinar a propósito das suas declarações sobre arbitragem na meia-final da mesma competição, com o FC Porto, tendo sido punido pelo CD com 90 dias de suspensão, uma decisão que foi conhecida há cerca de duas semanas.

Entretanto, recorde-se que António Salvador ainda tem em curso outro processo disciplinar, igualmente relativo a declarações sobre arbitragem, mas referente ao duelo com o FC Porto para a meia-final da Taça de Portugal.

Por André Gonçalves
9
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sp. Braga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.