Assembleia Geral da SAD aprova investimento de quase 20 milhões de euros

Em causa está a 2ª fase da Cidade Desportiva e o equipamento dos espaços que vão nascer junto à Pedreira

A Assembleia Geral da SAD do Sp. Braga aprovou esta terça-feira, com nenhum voto contra e apenas uma abstenção, o início imediato da construção da segunda fase da Cidade Desportiva do clube, que terá um custo de 16,9 milhões de euros e cuja conclusão está prevista para dezembro de 2021. Os custos da empreitada ficam a cargo da SAD bracarense, que também já anunciou o nome da empresa que vai executar a obra.

A escolha recaíu sobre a ABB, que, segundo comunicado do clube minhoto, depois de terem "sido consultadas várias empresas do mercado", apresentou a "melhor proposta". Além do valor estimado da obra, o Sp. Braga vai investir mais 3 milhões de euros no equipamento de diversos sectores, que vão do pavilhão multiusos à área do futebol profissional, passando pela área residencial, zonas de restauração e lazer, loja do associado e serviços administrativos.

Igualmente aprovado por esmagadora maioria foi a construção do Estádio do Centenário, obra orçada em 6 milhões de euros, que não irá arrancar no imediato, pois carece de uma consulta de mercado para consequente adjudicação da obra. "Esta obra será adjudicada pela SAD no momento que esta considere oportuno, em função da evolução da sua atividade" refere o comunicado do emblema minhoto.

Por João Lopes
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Sp. Braga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.